Goiânia, 26/06/22
Tribuna Livre Goiás
CIDADES · 19/05/2021

Blitzes do programa Balada Responsável abordam quase 400 condutores no primeiro dia

Fiscalização estava suspensa devido à pandemia de Covid-19. Sete condutores são autuados por conduzir veículos após ingerir bebida alcoólica


Por Tribuna Livre

O Departamento Estadual de Transito de Goiás (Detran-GO) retomou nesta terça-feira (18), em Goiânia, as blitzes do programa Balada Responsável. A ação foi desenvolvida pelas Gerências de Educação de Trânsito e de Fiscalização do Detran-GO e pelo Batalhão de Trânsito da Polícia Militar do Estado de Goiás, e aconteceram em dois locais diferentes da capital. A fiscalização estava suspensa devido a pandemia de Covid-19.

Neste primeiro dia foram abordadas cerca de 400 pessoas. Sete foram autuadas por combinar álcool e direção, oito foram flagradas com veículo não licenciado, e outras cinco autuadas por dirigir sem possuir Carteira Nacional de Habilitação.

Como parte da programação do Maio Amarelo, a partir de agora, as ações serão realizadas diariamente, visando coibir a combinação de álcool e direção e reduzir os acidentes de trânsito. O programa Balada Responsável retornou com adaptações para evitar a disseminação do coronavírus. As mesas dos servidores passaram a ter um distanciamento maior e os motoristas não descerão do veículo para ter os documentos checados. Os policiais militares utilizarão o próprio smartphone e não manusearão os documentos físicos dos condutores.

O condutor flagrado dirigindo sob o efeito de álcool, ou que se negar a fazer o teste do bafômetro, será autuado administrativamente e terá que pagar multa no valor de R$ 2.934,70 (podendo dobrar em caso de reincidência) e responderá processo que pode resultar na suspensão de 12 meses do direito de dirigir. O veículo também fica retido até que seja apresentado outro motorista habilitado.



Tags: