Goiânia, 15/08/22
Tribuna Livre Goiás
POLÍTICA · 26/10/2021

CPI aprova pedido de retratação de presidente Bolsonaro por live

Membros da Comissão fazem leitura de votos alternativos


(Foto: Reprodução)

Por Tribuna Livre

Na reunião de encerramento da CPI da Covid no Senado, integrantes do colegiado aprovaram nesta terça-feira (26) um requerimento do vice-presidente, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), que pede a quebra de sigilo telemático das redes sociais do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), a suspensão de acesso aos seus perfis e um pedido de retratação por declarações em live transmitida na última quinta-feira (21), em que ele relacionou a vacina contra a Covid-19 ao desenvolvimento de aids.

Os senadores também aprovaram o encaminhamento de informações sobre o episódio ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes, relator do inquérito das fake news. O presidente da CPI, Omar Aziz (PSD-AM), e o senador Eduardo Braga (MDB-AM) também vão encaminhar recomendação para que o Congresso Nacional se posicione sobre o tema. “Presidência é uma instituição, não é um cargo de boteco. [Como o] presidente que se reporta ao povo brasileiro baseado em estudo que não tem cabimento nenhum, quando estamos implorando para a população se vacinar?”, questionou Aziz. O Facebook, o Instagram e o YouTube tiraram do ar o conteúdo, contestado por médicos e cientistas.


Tags: CPI da Covid; Senado; Jair Bolsonaro