Goiânia, 05/12/21
Tribuna Livre Goiás
TURISMO · 29/10/2019

Taxa adicional de embarque internacional deixará de ser cobrada, assegura ministro

O objetivo é incentivar o setor de aviação civil e a entrada de novas empresas aéreas no país


IStock/Getty Images

Por Thyélen Lorruama

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, informou nesta segunda-feira, 28 de outubro, que a taxa adicional na tarifa de embarque internacional, criada em 1999, deixará de ser cobrada. De acordo com ele, a medida integra uma série de ações que o governo vai tomar para diminuir regulamentações no setor, com o objetivo de incentivar o setor de aviação civil e a entrada de novas empresas aéreas no país.

“Vou antecipar uma das medidas: é a eliminação da taxa adicional de US$ 18 para voos internacionais”, disse ele durante o Fórum de Líderes da Associação Latino-Americana de Transporte Aéreo (Alta).

Para o ministro, com o fim da taxa adicional, as empresas de baixo custo, já atuantes em voos internacionais no Brasil, vão passar a ter interesse no mercado doméstico. 

"Temos várias empresas que estão em tratativas com conosco. Essas empresas começam a operar as rotas internacionais e na sequência elas devem ingressar no mercado nacional fazendo voos domésticos", disse ainda. 


Tags: taxa embarque internacional economia turismo