Goiânia, 05/12/21
Tribuna Livre Goiás
CIDADES · 29/09/2019

Pró-Águas: Governo de Goiás prepara revitalização da bacia do Rio Meia Ponte

Ação tem como objetivo por fim á crise hídrica no estado; meta é a recuperar 3 mil hectares no Alto Meia Ponte


Reprodução/Semad

Por Thyélen Lorruama

Agindo contra a crise hídrica no estado, o Governo de Goiás prepara, por meio do Programa Pró-Águas, a revitalização do Rio Meia Ponte com com ações de curto, médio e longo prazos. Inicialmente, a meta é recuperar 3 mil hectares na região. “O projeto é ambicioso no intuito de se produzir água por meio da recuperação de vegetação nativa, de nascentes e gestão sustentável das propriedades rurais que pertencem à bacia”, destaca Ronaldo Caiado (DEM).

O trabalho de revitalização envolve a proteção de nascentes, uso e manejo adequado do solo, recuperação de pastagens degradadas, cercamento e recuperação de áreas de preservação permanente e áreas de recarga hídrica. As ações serão definidas pelo Comitê Permanente de Gestão Integrada para o Enfrentamento da Crise Hídrica na Bacia Hidrográfica do Rio Meia Ponte.

O projeto conceitual de Revitalização da Bacia do Alto Meia Ponte foi elaborado sem custos para o Estado pelo Instituto Espinhaço, organização sem fins lucrativos com atuação em 12 países e ampla experiência em recomposição florestal de larga escala e revitalização de bacias hidrográficas. 

“O objetivo não é só solucionar o problema de abastecimento de Goiânia e região metropolitana”, afirma a secretária de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Andréa Vulcanis. “A cada ano, temos menos vazão nos rios da região e isso impacta a economia local já que sem água não há produção agrícola nem industrial”, pontua.

A secretária do Meio Ambiente explica ainda que isso implica em menor produção da indústria, que gera na região cerca de 7 mil empregos diretos e indiretos, menor produção para os pequenos produtores, que hoje são em torno de 5 mil. "Ou seja, temos que gerar as condições para que a economia local se sustente”, ressalta ainda. 

Metas do Pró-Águas

O programa visa produção de água como componente chave para o desenvolvimento sustentável e a gestão integrada do território da Bacia Hidrográfica do Rio Meia Ponte, com base no engajamento social, no fortalecimento dos serviços ecossistêmicos, na inovação e nos arranjos produtivos inteligentes.  

São, ainda, componentes fundamentais a recomposição florestal e a conservação de solo para a revitalização da bacia hidrográfica e o aumento da segurança hídrica para as pessoas e cidades, em especial Goiânia e sua região metropolitana. 

Uma das premissas essenciais é a viabilização dos sistemas produtivos como a produção agrícola e pecuária, além da indústria, por meio da recomposição da vegetação nativa e implantação de ações de conservação de solo e água em áreas prioritárias para a produção de água. 



Tags: Governo de Goiás Programa Pró-Águas Rio Meia Ponte crise hídrica, prevenção